#drapatricialana

As principais dúvidas sobre cirurgia para “orelhas de abano”

As principais dúvidas sobre cirurgia para “orelhas de abano”

Orelhas proeminentes, ou orelhas de “abano” são alterações que causam preocupação desde a infância. Muitas pessoas têm receio até mesmo de usar cabelo preso devido ao aspecto das orelhas.


Aqui estão as respostas para dúvidas frequentes:
– Qual a idade ideal para a cirurgia?
A partir de 6 anos, quando o tamanho das orelhas já é quase o mesmo de adulto.
– Onde fica a cicatriz?
Na parte de trás das orelhas.
– Quais são os cuidados no pós operatório?
Uma faixa elástica deverá ser usada por 2 semanas o tempo todo e mais 2 semanas somente para dormir.
– Qual o tipo de anestesia utilizada?
Em adultos, é possível utilizar anestesia local, ou anestesia local com sedação. Em crianças, geralmente precisamos da anestesia geral.


Tem mais alguma dúvida? Ficarei feliz em responder! Entre em contato também pelo Instagram e venha conhecer mais sobre o meu trabalho como cirurgiã plástica em Belo Horizonte. https://www.instagram.com/drapatricialana/

Patrícia Cordeiro Lana Melgaço – CRMMG: 50855

Cirurgiã Plástica Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica –
RQE:35144

Cirurgiã Crânio-Maxilo-Facial RQE: 46574

 

Posted by Dra. Patrícia Lana in Todos

Muitas mulheres têm vergonha da região íntima e não sabem que podem melhorar muito a estética da região.
As queixas podem ser as mais variadas, mas as mais comuns são:
– Excesso de pequenos lábios
– Grandes lábios flácidos e com pouco volume
– Região pubiana caída
Para cada queixa, temos uma solução!

Normalmente a cirurgia é realizada com sedação e tem duração de 1 a 2 horas. A paciente pode receber alta no mesmo dia. E pode voltar ao trabalho com 1 semana.

Atividade sexual deve ser suspensa por 30 dias.

Tire suas dúvidas!

E aproveite para me seguir no Instagram: https://www.instagram.com/drapatricialana/

Posted by Dra. Patrícia Lana in Todos
Mamoplastia

Mamoplastia

MAMOPLASTIA é o termo utilizado para qualquer cirurgia feita nas mamas. São inúmeras técnicas que podem ser utilizadas, dependendo do objetivo e do desejo da paciente. Porém, podemos dividir todas elas em 3 grupos:


1) Mamoplastias de aumento
2) Mastopexias
3) Mamoplastias redutoras


As mamoplastias de aumento são utilizadas para as pacientes que querem aumentar o volume das mamas. Esse aumento, na maioria das vezes é realizado pelo uso de prótese de mama, ou implante mamário de silicone. Atualmente também existem técnicas para aumento mamário com a própria gordura da paciente, que pode ser retirada de áreas onde ela esteja “sobrando”. Quem não tem uma gordurinha extra, não é mesmo?


As mastopexias são as cirurgias para LEVANTAR as mamas. Podem ser realizadas com o uso de implante de silicone ou não. Esse é assunto para outro dia!


E as mamoplastias redutoras servem para reduzir o tamanho e o peso das mamas, modelando a própria glândula mamária para dar formato mais arredondado e bonito.


E aí? Tem vontade de mudar o formato das suas mamas? Tire as suas dúvidas comigo!

Posted by Dra. Patrícia Lana in Todos
Efeito Espartilho

Efeito Espartilho

Lembra do espartilho? Aquela lingerie utilizada para definir a cintura dos filmes antigos? Então… é possível fazer isso na plástica abdominal: a abdominoplastia!


Então… já sabemos que, durante a gestação, os músculos abdominais mudam de posição para dar espaço ao útero em crescimento. Depois do nascimento, pode ser que eles não retornem à posição inicial, deixando um espaço entre eles. Esse espaço entre os músculos é a chamada DIÁSTASE muscular.


Durante a cirurgia, em vez de somente retirar o excesso de pele, também corrigimos a posição da musculatura. Isso pode ser feito tanto com os músculos retos, com também com os oblíquos. Isso devolve o formato acinturado ao abdome, formando o que gosto de chamar de ESPARTILHO!
Quer voltar à silhueta de antes?


Venha conversar comigo!

Patrícia Cordeiro Lana Melgaço – CRMMG: 50855

Cirurgiã Plástica Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – RQE:35144

Cirurgiã Cranio-Maxilo-Facial RQE: 46574

Posted by Dra. Patrícia Lana in Todos