lipoaspiração

Tire suas dúvidas sobre a lipoaspiração

Tire suas dúvidas sobre a lipoaspiração

A lipoaspiração, também conhecida como lipo, é uma cirurgia plástica que remove parte da gordura do subcutâneo – o tecido adiposo abaixo da pele – por meio de cânulas ligadas a um aparelho aspirador. É necessária técnica apurada para retirar gordura de forma regular, sem deixar afundamentos ou retrações. 

O procedimento é indicado para tratar acúmulos de gordura em várias partes do corpo, incluindo coxas, braços, cintura, abdome, parte interna dos joelhos, costas e culotes. A cirurgia pode ser realizada de forma isolada ou junto com outro procedimento estético, como redução da mama ou abdominoplastia.

Quando a lipoaspiração é indicada?

Como dito anteriormente, a lipoaspiração tem como objetivo a remoção de acúmulos de gordura que atrapalha a silhueta corporal. Portanto, não é indicada como um tratamento para emagrecimento, mas sim nos casos em que a gordura, mesmo com atividade física e bons hábitos alimentares, não é eliminada.

Como é a preparação para o procedimento?

Como todo procedimento cirúrgico, alguns cuidados devem ser tomados antes da realização da lipoaspiração. Inicialmente são realizados alguns exames de laboratório e avaliação médica. Se necessário, o paciente deverá tomar alguns medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais.

No dia antes da cirurgia, é necessário fazer jejum de oito horas. Todos os cuidados serão repassados pelo médico antes do procedimento.

Como é feita a cirurgia?

A lipoaspiração é realizada com pequenas incisões. Inicialmente é injetada uma solução para reduzir o sangramento, muitas vezes chamada de hidrolipo. Em seguida, uma cânula (tubo oco fino) é passada delicadamente por meio das incisões, aspirando o excesso de gordura, até obter o resultado desejado. Existe um limite para a quantidade de gordura que pode ser retirada. O volume máximo é de 7% do peso corporal, ou seja, em uma pessoa de 70kg, podem ser retirados no máximo 4,9 litros. Outro fator que deve ser observado é o aparecimento de flacidez. Qua do começa a ocorrer excedente de pele, temos que parar a aspiração. 

O resultado da cirurgia é imediato?

Não. A melhora da silhueta corporal só será percebida quando o inchaço e a redução de líquido diminuírem. É preciso esperar entre 8 a 10 meses para observar a situação definitiva. Além disso, é preciso manter peso adequado e adotar um estilo de vida saudável.

O ganho de peso pode reverter os resultados. Lembrando que apesar de serem esperados bons resultados, não há garantia. Em algumas situações, pode ser necessária uma nova cirurgia.

Como é a recuperação da lipoaspiração?

O repouso é fundamental após a cirurgia. Alguns pacientes devem fazer uso de uma cinta elástica ou até mesmo de um dreno, para remover qualquer excesso de sangue ou de fluido. O médico indicará os medicamentos que podem ser administrados para tratar a dor. Na maioria das vezes devem ser realizadas sessões de drenagem linfática ou liberação miofascial, para ajudar na recuperação. 

Onde a cirurgia deve ser realizada?

O procedimento deve ser realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência.

Assim como o sucesso da cirurgia, é importante que o profissional escolhido esteja capacitado para realizar o procedimento. Se estiver em dúvida, consulte a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e não realize nenhum procedimento sem antes ter certeza da escolha do profissional.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgiã plástica em Belo Horizonte!

 

Posted by Dra. Patrícia Lana in Todos